quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Saudade

Recentemente descobri tipos diferentes de saudade, sobrevivendo-as...Variações sobre o mesmo tema. A saudade gostosinha que anseia pelo encontro por vir, a saudade ruim de quem você quer por perto mas está longe (física ou emocionalmente), a saudade de quem partiu deste mundo, não podemos telefonar, mandar cartas, mas no fundo é reconfortante.


Mas essa saudade, a de hoje, é nova, é uma saudade que não se quer matar, saudade do que se teve, do que foi céu e kriptonita, saudade que deve ficar intácta para que sua beleza seja preservada.

I think I need a drink!

Já é quase final de semana belisquetes... falta pouco.

Bjókas,
Cames

3 comentários:

Marianna disse...

Saudade até do que eu não conheço, às vezes.

Que venha o fim de semana.

:*

Alice disse...

Tudo que foi bom deixa saudade mesmo.

As Beliscas disse...

é... foi bom... :)