quarta-feira, 26 de novembro de 2008

De Volta!

Genteeeeem que saudade de escrever nisso aqui!!! Como eu sinto falta desse meu pedacinho de mundo cibernético, de por pra fora as maluquices, de ler os comentários, de ver as reções, de comentar de volta... :D muito muito bom estar e volta.

De volta e de alma lavada, feliz, e já deprimidinha pq seguda feira a vida volta ao normal. Mas antes disso vamos falar de coisas boas!

NY é incrivel, linda, uma diversidade cultural, de linguas e sotaques e modos e vestuário, tudo é um pot pourri cultural... diferente das ouras cidades Norte americanas que eu conheço, sem preconceito, sem olhares tortos. Me senti fazendo parte daquele turbilhão...

Mas o melhor de TUDO sem sombra de duvidas foi o show da titia Madge. GENTEM a cinquentona está com TUDO em cima, arrazando, ela pula, dança, toca, se esfrega nos bailarinos e tudo (essa separação fez muito bem a ela. hehehe)

Realmente ela está um pouco cansada, ela passa umas 3 musicas apenas tocando guitarra, outras duas é só o clipe, mas ela volta com novo figurino. Ela tem umas pausas dramáticas para recuperar o folego, mas tudo muito bem arranjado, afinal de contas ela não tem mais 20 anininhos, mas está mandando muito BEM! ela será a próxima Cher... Imortal! AMO AMO AMO! taí um videozinho para deixar um gostinho disso tudo!

video

Ahhh. E para constar nos registros desse blog, eu amo muito muito muito o meu amor, e morri de saudade esse tempo todo e para de pensar bobeira, pq eu te amo!

beijus belisquetes! E vamo que vamo pq estou de volta com todo gás!

segunda-feira, 10 de novembro de 2008

FÉRIAS!

Belisquetes do meu coração. Venho por meio desta informar que estou de FÉRIAS! Não, acalmen-se fãs fervorosas (nossas eu sou a Madonna né) não são férias do blog, e sim do meu real, e palpável trebalho, do qual não reclamo, pois é por ele que tenho $ para poder tirar essas lindas e tão merecidas férias.

Vou dormir até tarde, pegar uma praia, acho que essa cor de vela, não me caiu muito bem, almoçar com amigas vagabas, ou as milionárias que não precisam trabalhar, me sentir a própria socialite passeando pelo shopping leblon as 3 da tarde, sem a menor pressa.

Vou viajar um pouquinho, passar um pouco de frio, já disse que nasci no continente errado né?Usar roupas quentes, sobtretudo, meião, galochas...

ai ai... como a vida é bela!!!

beijinhos

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Prop 8

Está um fuzuê pela eleição do Obama, é Obama pra lá Obama pra cá, todos festejam. Agora o que nninguém fala é o absurdo que aconteceu na Califórnia, um retrocesso.

O Prop 8, que é a proibição do casamento entre pessoas do mesmo sexo foi votado e passou! Fiquei muito chocada, como pode um estado voltar atrás? Voltar no tempo?


Li um blog onde um Californiano falava que se sente desconfortável com a idéia de ver dois homens casados. Um grande FODA-SE pra ele! A questão não é o desconforto de uns, mas os direitos de todos. Me desconforta ver gente mal vestida na rua, mas é um direito que ela tem. É por causa de gente assim que as coisas não andam, é o famoso "... eu até tenho um amigo gay". Preconceito puro, pela simples ignorancia.

Não sei se as pessoas devem casar ou não, o casamento pode ser uma institução falida, e produto da sociacidade machista, cristã, etc etc, mas é o sonho de muita gente, e dái se ela quer casar? deixa, depois separa se for o caso. A questão é ter a liberdade de poder faze-lo.

Daqui a pouco ser gay volta a ser crime. Joga mais essa nas costas do Obama, coitado esse aí tá FU**DO!!!

AHPRONTOFALEI!

beijos mocinhas, Cames

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Apego

O post hoje não é risada, não é engraçado, não sou eu nos meus melhores dias, é mais um desabafo.... tem coisas que as vezes a gente precisa por pra fora, mesmo que seja só para sair de dentro da gente, pra ver se sara mais rápido.

Já tive bichos de estimação, mas nunca como esse, o Carioca caiu de paraquedas na minha vida, ele não era para ser meu, mas quando veio foi só alegria. Eu sempre falo que quando as pessoas morrem de repente elas eram perfeitas, não faziam nada de errado. O meu bebe não era perfeito, ele cagava a casa toda, fazia xixi onde não devia, comia meus sapatos, sempre os mais caros... mas mesmo assim ele era perfeito, aprendeu a me respeitar, me fazia companhia, era o meu filhote.

Me sinto culpada pelo que aconteceu por que por instantes eu poderia não ter deixado ele ir... Mas se a gente sempre soubesse o que acontece depois não fariamos nada não é verdade?




Bom, é isso... desabafo, de uma 'mãe' triste... mas olha essa carinha, tem como não sofrer?

Que Deus o tenha e que ele esteja em um lugar muito melhor do que nós.

Cames